Palavra da Presidência

Rones Aureliano

Palavra do Presidente – Maio 2020

Irmãos e irmãos da Renovação Carismática Católicas, pastorais, outros movimentos, povo de Deus em geral, que a paz de Jesus, o doce amor de Maria e a força do Espírito Santo estejam sempre convosco e com suas famílias também! 

Finalizamos o mês de Maio da melhor maneira possível, com a realização da grandiosa Solenidade de Pentecostes. Grandiosa, sem sombra de dúvidas, pois, a grandiosidade de uma solenidade não se dá pela quantidade de participantes, mas de nobreza do homenageado e este, foi o Espírito Santo, Deus na 3ª Pessoa da Santíssima Trindade. 

Sabemos que “Há muitos planos no coração do homem, mas é a vontade do Senhor que se realiza” (Pr.19,21). Há mais de sessenta dias estamos vivenciando uma situação totalmente atípica e frustrante às expectativas evangelizadoras dentro da Renovação Carismática Católica aqui em nossa diocese. No entanto, sabemos que Deus sabe e está acima de todas as coisas e “tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus” (Rm 8,28), ou seja, Ele permitiu que tudo isso ocorresse e nos deu a graça de aprendermos algo com essa situação. Alguns aprenderam e outros relembraram que o que está fechado para que não haja aglomerações, são os templos, mas as Igrejas estão cada vez mais abertas, pois, a Igreja somos nós. Desse modo, as nossas casas são legítimas Igrejas Domésticas.   

    Já fazem mais de trinta anos que a RCC da diocese de Uberlândia organiza a Festa de Pentecostes em nível diocesano e nesse ano, mantemos a escrita. No entanto, a pandemia do Covid 19 em escala mundial e sem precedentes em nossos tempos, fez com que o Espírito Santo nos motivasse a realiza-la de modo novo para preservar a integridade do povo de Deus a nós confiado, dentre os quais há idosos/as e pessoas debilitadas. Por obediência e zelo pelo bem estar físico, psicológico e espiritual do povo de Deus, não realizamos o evento de forma presencial na Arena Tancredo Neves (Sabiazinho) em 30 e 31/05 como era o planejado, mas online. E com grande júbilo e para a honra e glória do Santo Nome de Jesus, a Festa de Pentecostes 2020 foi transmitida, ao vivo, no pelo canal do YouTube da RCC da Diocese de Uberlândia e superou nossas expectativas. Imediatamente após o encerramento da transmissão, contabilizamos mais de 3.100 visualizações e em vários momentos, uma média de 300 pessoas acompanhando simultaneamente. Os comentários foram de inúmeras graças recebidas e esperamos que você tenha recebido a sua bênção! 

Tanto a Novena que ocorreu de 22 a 30/05, quanto o Pentecostes Mirim (30) e o Pentecostes (31), nos mostraram que a mudança do formato da Festa de Pentecostes não diminuiu em nós o desejo ardente de sermos transformados pela renovação do nosso espírito (cf. Rm 12,2). Veni Creator Spiritus

“Que diremos depois disso? Se Deus é por nós, quem será contra nós? Pois estou persuadido de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem o presente, nem o futuro, nem as potestades, nem as alturas, nem os abismos, nem outra qualquer criatura (como a Covid-19) nos poderá apartar do amor que Deus nos testemunhou em Cristo Jesus, nosso Senhor!”. (Rm. 8.31b.38-39)

Uberlândia, 31 de Maio de 2020.

Rones Aureliano de Sousa

Presidente Conselho Diocesano – RCC Uberlândia 2019-2020

Deus é bom sempre. Sempre Deus é bom.

São Miguel Arcanjo, rogai por nós e defendei-nos no combate!

Nossa Senhora de Pentecostes, rogai por nós!

Palavra do Presidente – Abril 2020

Do medo à criatividade evangélica

Família carismática de Uberlândia, que a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo e o doce amor de Maria Santíssima estejam sempre convosco e com suas famílias também! Graça e paz! 

Poderíamos até dizer que o mês de Abril se iniciou da mesma forma que finalizou Março, ou seja, com a pandemia instalada e o isolamento social cada vez maior. Mas não vamos dizemos isso porque temos para nós que Deus faz novas todas as coisas (cf. Ap.21,5). 

Fato é que não devemos e nem temos o direito de ser alheios ao que está acontecendo ao nosso redor, ao contrário, precisamos obedecer (como aprendi na RCC, “quem obedece, não erra”) as autoridades competentes. O comitê de enfrentamento ao Covid-19 em nossa cidade nos alertava que o pico da pandemia ocorreria entre os dias seis e vinte de Abril. Depois esse tempo foi alargado para o final do mês. Em algumas localidades fala-se que será por todo o mês de Maio, sem falar que Igrejas serão um dos últimos lugares a retomar as atividades cotidianas, devido ao grande fluxo e aglomerações de pessoas. Na China, o gênesis de tudo isso, o isolamento social ocorreu por mais de sessenta dias e muitos ficaram com medo de no Brasil, o tempo ser o mesmo. Medo esse que, verdadeiramente, “aprisionou” muitos/as dos/as nossos/as em casa, afastou todos ao redor e se espalhou muito mais do que o próprio Coronavírus. A prudência é considerada a “mãe” de todas as virtudes, mas muitos confundiram prudência com medo.

Foi o medo de sofrer ou mesmo morrer que fez com que Pedro negasse Jesus. Foi por medo de descontentar César, os sacerdotes e o povo que Pilatos, “lavou as mãos” em relação ao julgamento de Jesus, e ainda várias outros relatos de medo de personagens da Sagrada Escritura poderíamos citar. O medo não é de todo ruim, pois, ele nos impede de cometermos determinados pecados por medo do inferno. No entanto, fazemos muitas coisas pecaminosas e não temos medo de perdermos a salvação. O medo nos adoece física, psicológica e espiritualmente e por isso, não podemos permitir que o medo seja a causa de nossa ruína. Diz-se que na Bíblia aparece 365 vezes a expressão (ou similares) “não tenhas medo”, ou seja, uma para cada dia do ano. Isso é muito significativo para nós. 

Em 16/04, fiz uma live pelo Instagram da diocese com o Mário Lúcio, Presidente do Conselho Estadual e, na ocasião, ele nos dizia que não há motivos para pânico, mas que entendêssemos esse período de isolamento como mais uma oportunidade de “regressarmos ao 1º Amor”. Os apóstolos também tiveram medo e se esconderam no cenáculo após a ascensão de Jesus ao céu. No entanto, quando receberam o Espírito Santo, ficaram corajosos e saíram pelo mundo inteiro a pregar a Boa Nova de Jesus vivo e ressuscitado. Eles o fizeram presencialmente e não tiveram medo de nada (nem da morte) e ainda ficavam felizes por serem considerados dignos de sofrerem injúrias por causa do nome de Jesus (cf. At. 5,41). Podemos concluir que a vinda do Espírito Santo foi um marco em suas vidas, pois, passaram da condição de medo à parresía

Nós também, irmãos e irmãs, recebemos o Espírito Santo em nosso batismo sacramental e por isso temos que ser corajosos/as na pregação da Palavra de Deus. Se, devido a pandemia, não podemos fazê-lo presencialmente, como outrora os discípulos, podemos fazer de forma virtual. Por isso que Mário Lúcio nos recordava que os primeiros cristãos se reuniam nas catacumbas (cavernas) e mesmo assim o nome de Jesus era proclamado. O coronavirus fez que retornássemos às catacumbas, mas a evangelização não pode parar. Por isso falava, inclusive, do protagonismo do Ministério de Comunicação Social para que essa evangelização ocorra efetivamente. Motivou-nos a evangelizar por meio das redes sociais e, graças à Deus, muitos/as coordenadores/as de G.O de nossa diocese aderiram a ideia, mesmo antes da live. Temos visto se multiplicarem as iniciativas de evangelização on line, como Terço Mariano, Terço da Misericórdia, lives oracionais, lives de shows, reuniões virtuais dos núcleos de serviço e principalmente transmissões das reuniões de oração. Bendito seja Deus por essas ações!  

Despeço-me clamando que o Espírito Santo nos ajude a trabalhar em nós mesmos o medo que nos paralisa e que nos abramos à criatividade evangélica! Amém!

Abril 2020

Rones Aureliano de Sousa

Presidente da RCC Uberlândia 2019-2020 

Deus é bom sempre. Sempre Deus é bom.

São Miguel Arcanjo, rogai por nós e defendei-nos no combate!

Nossa Senhora de Pentecostes, rogai por nós! 

Palavra do Presidente – Março 2020

“O meu próximo minuto é Teu”

Família carismática de Uberlândia, que a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo e o doce amor de Maria Santíssima estejam sempre convosco e com suas famílias também! Graça e paz! 

“Há muitos planos no coração do homem, mas é a vontade de Deus que se realiza” (Pr. 19, 21).

    Inicio este texto com essa verdade indiscutível apresentada pelo livro dos Provérbios. Verdade essa que nós, cristãos, já conhecíamos desde outrora, mas que foi necessária uma pandemia de escala mundial para nos recordarmos dela. Essa verdade se evidenciou, no Brasil, a partir da segunda quinzena de Março, onde as autoridades sanitárias sugeriram, para conter a propagação do vírus, um isolamento social. Em nosso coração havia o plano da “vivência fraterna”, um de nossos importantes pilares, mas fomos surpreendidos quando nos falaram “necessário vos é manter um isolamento social”. Essa expressão soa mal aos ouvidos carismáticos. Fato é que, rapidamente, devemos seguir a orientação de Jesus a Nicodemos e “nascer de novo”, nos reinventarmos, nos ressignificarmos, ou seja, darmos novo sentido à nossa vida, vida de oração pessoal, inclusive. 

Isolamento traz consigo uma carga pejorativa, negativa, discriminatória até. Ainda mais para nós, carismáticos, “o povo do abraço”. Estamos impedidos de nos abraçar e nos saudar com o ósculo santo. Mais do que isso, nem chegar perto uns dos outros podemos, pois, sugerem que mantenhamos dois metros de distância uns dos outros. Dessa maneira, como nos reunir nos grupos de oração para louvarmos juntos? Não poderíamos, uma vez que a orientação é evitar as aglomerações. Teríamos que aproveitar a Santa Missa para nos ver, ao menos na Semana Santa. Nem isso as autoridades nos permitiram, até porque um dos maiores locais de aglomeração são as Igrejas. Uma situação sem precedentes. “Clima” de profunda tristeza no ar, sensação de vazio. Templo vazio. Mas uma imagem (abaixo) me alegrou muito o coração. 

Pronto. É exatamente isso. Os templos estão fechados, mas a verdadeira Igreja de Jesus Cristo não é feita de tijolos, mas de carne e osso, ou seja, sou eu e você, e quero crer que estamos abertos à graça de Deus em nossa vida. Sendo assim, os templos estão fechados (e nem foi uma artimanha do Inimigo de Deus, mas consequência de nossos pecados mesmo), mas Deus se utilizou dessa situação para relembrarmos que nossas casas são as “Igrejas domésticas” e assim sendo, são também locais privilegiados para clamarmos: “Vem, Espírito Santo”.

Faça de sua casa, uma Igreja e saibamos com sabedoria viver esse kairós em nossas vidas! Acreditando na citação de Provérbios, saibamos que a vontade de Deus para nós é sempre adequada, perfeita e santa. Deus tem um plano e este, é de salvação. Assim podemos cantar “os meus passos são Teus, o meu próximo minuto é Teu, leva-me, Senhor”. 

Despeço-me na certeza esperançosa de dias melhores! Amém!

Março 2020

Rones Aureliano de Sousa

Presidente da RCC Uberlândia 2019-2020 

Deus é bom sempre. Sempre Deus é bom.

São Miguel Arcanjo, rogai por nós e defendei-nos no combate!

Nossa Senhora de Pentecostes, rogai por nós!

Palavra do Presidente – Fevereiro 2020

“Os campos estão brancos para a colheita”

Família carismática de Uberlândia, que a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo e o doce amor de Maria Santíssima estejam sempre convosco e com suas famílias também! Graça e paz! 

O título deste pequeno texto faz referência a passagem de Jo. 4, 35, que inspirou a palavra profética de Patti Gallagher Mansfield, durante a Vigília de Pentecostes, no Jubileu de Ouro da RCC (2017), no Circo Massimo – em Roma. 

“Levantem seus olhos e vejam que os campos estão brancos para a colheita. E se vocês forem obedientes a mim, e se obedecerem ao meu Espírito, vocês verão infinitamente mais do que vocês poderiam pedir ou imaginar. Vocês verão o poder do meu Espírito sobre a humanidade. Eu vos digo, os campos estão brancos para a colheita, mas preciso da sua obediência, preciso da sua docilidade, preciso da sua fé. E vocês verão as maravilhas, irão​ se surpreender mais do que possam pedir ou imaginar, para a glória do meu nome.” 

Será que nos dias de hoje, precisamos de obediência, docilidade e fé? Sabemos que sim. Por isso que com fé, docilidade ao mover do Espírito Santo e na obediência à Deus, a Diocese de Uberlândia trabalha para que nosso povo seja evangelizado, à começar por aqueles/as que servem ao Senhor.

Lembro-me que concluí da seguinte maneira o texto do mês passado: “E Fevereiro (01 e 02) já começa “quente” com o retiro exclusivo para servos/as da RCC Uberlândia. Já temos mais de 300 inscritos/as. Você que serve em algum G.O não pode ficar de fora. Até amanhã!”. E de fato começou mesmo. O encontro de avivamento para servos/as da RCC, promovido por nossa diocese ocorreu na referida data e foi um sucesso, graças à Deus! Participaram 390 servos/as de nossos G.O. A pregadora do encontro foi a irmã Dinairdes, membra dos M.O.C.L e Pregação de Goiânia e quem animou o encontro foi a Banda Alfa e Ômega, cidade de Patrocínio. O evento ocorreu na Escola Municipal Prof. Domingos Pimentel de Ulhôa, bairro Santa Mônica. Podemos atestar que foi de grande cura para nossos/as servos/as. Isso ocorreu porque a colheita precisa ser feita. 

Este mês que começou “quente”, manteve o fogo alto por meio do início de muitas atividades em nosso movimento, dentre eles, a Grande Intercessão (onde os intercessores de todos os grupos se reúnem para rezarem pelas intenções das caixinhas de oração); Escola Permanente de Intercessão, para a formação de novos intercessores; Escola Permanente de Pregadores, para a formação de novos/as pregadores/as e atualização dos/as veteranos/as; Módulo Básico, este ano com uma turma exclusiva para servos/as de G.O; Rebanhão de Carnaval, que como o próprio nome diz, objetiva arrebanhar almas para o Senhor e finalizamos o mês com a vigília mensal para agradecer à Deus pelas graças à nós concedidas durante o mês. Aproveito o ensejo para te convocar para participar desta vigília, onde, além de agradecermos, suplicamos ao Deus todo poderoso, que derrame sobre nossas vidas, famílias, empreendimentos pessoais, ministeriais, nossos G.O e sobre toda a diocese, sua infinita misericórdia e seu infinito amor. Além de todas essas atividades, participei da assembleia estadual onde foram divulgadas as datas dos principais eventos estaduais e nacionais, para que, a partir deles, possamos construir o nosso calendário. E com a graça de Deus, nosso calendário ficou pronto e está recheado de eventos oracionais e de formações ministeriais. Ele está disponível em nosso site e no mural de nossa Sede.

Dirijo-me aos coordenadores/as de G.O e ministérios de serviço de nossa diocese para lembra-los de que “os campos estão prontos para a colheita”. Utilize de sua visão espiritual e colha.  

Despeço-me desejando que tenhamos um ano de muita graça e de paz! Amém!

Fevereiro 2020

Rones Aureliano de Sousa

Presidente da RCC Uberlândia 2019-2020 

Deus é bom sempre. Sempre Deus é bom.

São Miguel Arcanjo, rogai por nós e defendei-nos no combate!

Nossa Senhora de Pentecostes, rogai por nós! 

Janeiro 2020

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo por 2019 e 2020

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo pelo ano de 2019! Não poderia iniciar este pequeno texto de outra maneira, pois, 2019 para a RCC em Uberlândia, apesar de algumas dificuldades, foi um ano de muitas bênçãos! Deus se manifestou em diversos G.O distribuídos por toda a Diocese por meio de incontáveis graças, prodígios, sinais e milagres. Isso nos faz compreender melhor ainda que o amor de Deus por nós independe de nossas ações, muitas vezes falhas e pecaminosas. E foi exatamente essa realidade que o movimento a nível nacional nos propôs para o ano que a pouco se findou que “O amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado” (Rm 5,5).

Para vivermos intensamente esse amor derramado em nós pela ação do Espírito Santo em 2020, precisamos mudar nossas atitudes e nos deixar transformar. Desse modo, o movimento nos convida a viver a moção apresentada por São Paulo na carta aos Romanos, no segundo versículo do capítulo 12, “Transformai-vos pela renovação do vosso espírito”. Esse foi o tema apresentado e amplamente discutido no Encontro Nacional de Formação (ENF) que neste ano ocorreu em Aparecida e na Canção Nova em Cachoeira Paulista entre os dias 22 a 26/02. Um encontro marcado pela presença de cinco bispos, inclusive de outros países, dezenas de padres e seminaristas para atender uma multidão de quase 15.000 participantes.

O ENF visa reunir lideranças de todo o país para transmitir as moções e direcionamentos para todo o ano, por meio das pregações para todo o povo reunido e também nos workshops dos diversos ministérios de serviço atuantes dentro e fora do G.O. O encontro desse ano já foi coordenado pelo novo Presidente do Conselho Nacional: Vinícius Rodrigues Simões (ex-coordenador nacional do Ministério de Formação e ex-coordenador estadual do Estado do R.J). Ele nos anima e pede para que mantenhamos acesa em nosso peito a chama da identidade do nosso movimento. Nos motiva a ficarmos firmes para esse tempo pós-jubilar para vivermos os próximos 50 anos de muitas bênçãos! Convida-nos ainda a sermos “Mr. Pentecostes” para espalharmos a chama do Espírito Santo por onde quer que passemos.

Entendendo que essa exortação não é humanamente de nosso Presidente, mas do próprio Espírito Santo, a Diocese de Uberlândia tomou a decisão de dizer SIM ao chamado de Deus. Queremos, certamente, viver e espalhar a chama de Pentecostes pelo mundo. Por isso, já na semana após o réveillon, muitos G.O de nossa diocese já retornaram às atividades normais por entender que é preciso evangelizar. O nosso calendário está repleto de ações de evangelização: encontros, seminários, noites carismáticas, kairós, luaus, dentre outros, para além das diversas formações oferecidas por todos os ministérios de nossa diocese. O calendário completo de nossa diocese está em nosso site http://rccuberlandia.com.br e o primeiro semestre disponível no mural de nossa Sede. Confira.

Hoje (31), encerramos Janeiro com uma grande alegria de termos vivido (de perto ou de longe) o ENF, na expectativa de que as graças de 2019 nos acompanharão em 2020 e na certeza o Espírito Santo há de nos transformar para que nossa evangelização seja mais eficaz.

E Fevereiro (01 e 02) já começa “quente” com o retiro exclusivo para servos/as da RCC Uberlândia. Já temos mais de 300 inscritos/as. Você que serve em algum G.O não pode ficar de fora. Até amanhã!

Abraços e que Deus vos abençoe hoje e sempre! Rones

Presidente do Conselho Diocesano da RCC Uberlândia

Deus é bom sempre. Sempre Deus é bom.